Perguntas interessantes para os darwinistas.

1. ORIGEM DA VIDA. Por que os livros didáticos afirmam que a experiência de Miller-Urey de 1953 demonstra como que os tijolos construtores da vida podem terem sido formados na Terra primitiva −  quando as condições na Terra primitiva provavelmente não eram iguais àquelas usadas na experiência, e que a origem da vida permanece um mistério?

2. A ÁRVORE DA VIDA DE DARWIN. Por que os livros-texto não discutem a “Explosão Cambriana”, na qual todos os principais grupos de animais aparecem juntos no registro fóssil plenamente formados em vez de descenderem de um ancestral comum −  contradizendo assim a árvore da vida evolutiva?

3. HOMOLOGIA. Por que os livros didáticos definem homologia como semelhança devido à
ancestralidade comum, depois afirmam que é evidência de ancestralidade comum −  um argumento circular mascarado como evidência científica?

4. EMBRIÕES VERTEBRADOS. Por que os livros-texto usam desenho de similaridades em embriões de vertebrados como evidência de ancestralidade comum −  muito embora os biólogos sabem há mais de um século que os embriões de vertebrados não são bastante semelhantes nos seus estágios iniciais, e que os desenhos são forjados?

5. ARCHAEOPTERYX. Por que os livros didáticos exibem este fóssil como o elo perdido entre os dinossauros e as aves modernas −  muito embora as aves modernas provavelmente não sejam descendentes dele, e que seus supostos ancestrais não aparecem a não ser milhões de anos após o ARCHAEOPTERYX?

6. AS MARIPOSAS DE MANCHESTER. Por que os livros-texto usam figuras de mariposas do gênero Biston betularia camufladas nos troncos de árvores como evidência a favor da seleção natural −  quando os biólogos sabem desde os anos 1980s que as mariposas normalmente não repousam nos troncos das árvores, e que todas as fotos foram ‘montadas’ ?

7. OS TENTILHÕES DE DARWIN. Por que os livros didáticos afirmam que a mudança nos bicos dos tentilhões na ilha Galápagos durante uma severa seca pode explicar a origem das espécies através da seleção natural −  mesmo que as mudanças foram revertidas após o fim da seca, e nenhuma evolução total ocorreu?

8. ORIGENS HUMANA. Por que os desenhos de humanos parecidos macacos são usados nos livros- texto para justificar afirmações materialistas de que nós somos apenas animais e que a nossa existência é um mero acidente −  quando os paleontólogos [especialistas em fósseis] não podem sequer concordar sobre quem foram nossos ancestrais ou como eles pareciam?

9. EVOLUÇÃO UM FATO? Por que os livros didáticos nos informam que a teoria da evolução de Darwin é um fato científico −  embora muitas de suas afirmações são baseadas em distorções dos fatos?

10. EVOLUÇÃO: UMA TEORIA EM CRISE? Por que os livros-texto não informam os alunos sobre as muitas dificuldades teórico-empíricas da teoria da evolução? Por que mais de 300 cientistas de universidades de renome como Harvard, Yale, Stanford e University of Georgia expressaram o seu ceticismo em relação às afirmações da teoria moderna da evolução [neodarwinismo] sobre a capacidade de mutações aleatórias e a seeção natural serem responsáveis pela diversidade e complexidade de vida? Por que os livros didáticos de Biologia do ensino médio não discutem as críticas legitimamente
científicas feitas às teorias da origem e evolução da vida, mesmo sabendo que isso é discutido entre os cientistas?

0 comentários:

Busca

Curiosidades.

O nome "Bíblia" vem do grego "Biblos", nome da casca de um papiro do século XI a.C.. Os primeiros a usar a palavra "Bíblia" para designar as Escrituras Sagradas foram os discípulos do Cristo, no século II d.C.

Você Crê em Jesus? clique aqui